Últimas
Você está aqui: Capa | Notícias | Futebol | Valorizado, Jean diz que não pensa em sair

Valorizado, Jean diz que não pensa em sair

Apontado por muitos companheiros como o melhor jogador do campeonato, o autor da assistência para o gol que selou o tetra, Jean agora espera colher os louros de seu ótimo desempenho com a camisa tricolor. Contratado pelo Fluminense junto ao São Paulo, o jogador ganhou espaço no time titular após a contusão de Diguinho na Libertadores, e não perdeu mais a vaga.

Por todos esses motivos, Jean agora quer retribuir o carinho e a confiança que teve dos dirigentes e companheiros de equipe após sair desvalorizado do tricolor paulista. O Fluminense possui hoje 35% dos direitos econômicos do atleta, e o clube paulista 50%. Os outros 15% são do próprio jogador, que já adiantou sua vontade de permanecer no clube das Laranjeiras:

- Só tenho uma forma de agradecer à torcida e ao Sandrão, que acreditou no meu trabalho quando eu estava desvalorizado no São Paulo. E essa forma é ficando no Fluminense. Já deixo clara a minha vontade de permanecer, de que a compra do restante dos meus direitos que ainda pertencem ao São Paulo seja feita. Já cheguei ganhando títulos, uma alegria imensa. Quero ficar. Não tem como deixar o Fluminense nesse momento. Nem passa pela minha cabeça. – contou o camisa 25.

Jean disputou 33 dos 35 jogos da campanha do título, e sabe que suas chances de entrar para a seleção do campeonato são grandes. Depois de ouvir os gritos da torcida o pedindo na seleção, ele não escondeu sua vontade:

- Confesso que tenho esse objetivo, sim. Cabe à imprensa decidir. Fico na expectativa pela regularidade que apresentei do começo ao fim do campeonato. Só fiquei fora de dois jogos e acho que tenho grandes chances. – acredita.

Já com foco na próxima temporada, o volante lembrou do objetivo principal do clube a partir de agora: A conquista da Libertadores do ano que vem. Ele lembra da campanha deste ano, quando o Flu foi eliminado no último minuto do jogo contra o Boca Juniors, no Engenhão:

- Foi um ano quase 100%. Só faltou a Libertadores. Mas em 2013 estaremos ainda mais fortes para brigarmos por ela. Quando fizemos uma roda de oração no meio-campo após o título, o Sandrão deixou bem clara a importância da Libertadores. Temos essa consciência. Podemos entrar para a história conquistando esse título. Vai ser algo fora do normal. – sonha.

Sobre Renan Castro

Renan Castro
Jornalista, carioca, gosto de música, praia, futebol e outros clichês. Na minha vida, as únicas certezas absolutas são a morte e o amor ao Fluminense

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


+ 1 = 8

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Scroll To Top