Últimas
Você está aqui: Capa | Notícias | Futebol | Com um a mais, Flu vacila no fim e cede empate ao Grêmio

Com um a mais, Flu vacila no fim e cede empate ao Grêmio

Depois de uma virada a la Libertadores de 2008,  o Fluminense relaxou no final e deixou o Grêmio, mesmo com um jogador a menos, fazer o segundo gol aos 40 do segundo tempo e empatar uma partida que parecia controlada. Agora, o Fluminense tem mais um confronto decisivo no domingo, às 16h, contra o Atlético-MG, no estádio Independência.

A partida começou morna, com as duas equipes se respeitando muito, mas com os visitantes levando mais perigo do que os donos da casa. O time de Luxemburgo chegou a acertar o travessão e a obrigar Cavalieri a fazer boa defesa em chute de Elano. Marco Antônio foi outro que assustou os  35 mil tricolores presentes no Engenhão, com um chute que passou rente ao travessão.

O Fluminense ameaçava nos contra-ataques, mas foi depois de uma cobrança de escanteio que Wagner fez o goleiro Marcelo Grohe trabalhar de fato, em uma tentativa por cobertura. Ambos os times pareciam cozinhar o adversário, esperando o melhor momento de atacar no erro do adversário, mas pouco além disso se viu até o final da primeira etapa.

No segundo tempo, Abel colocou Thiago Neves no lugar de Wagner, mas foi o Grêmio que voltou tocando melhor a bola e envolvendo a defesa carioca. Em uma dessas trocas de passe, oas sete minutos, Zé Roberto ia saindo cara a cara com Cavalieri quando foi derrubado por Gum na entrada da área. Elano cobrou a falta rasteira com perfeição, por baixo da barreira tricolor que pulou e deixou o arqueiro tricolor sem ação, a olhar a bola morrer no fundo das redes.

A torcida aumentou o volume, o time foi pra cima, e aos 14 minutos, Deco cobrou escanteio, Thiago Neves desviou no primeiro pau, e Digão completou com categoria para empatar a partida. Com a galera ainda comemorando, dois minutos depois, Sóbis arriscou do meio da rua e o goleiro gremista aceitou.

Com 2 a 1  no placar, o Fluminense viu sua situação ficar ainda mais fácil, em tese, com a  expulsão de Marcelo Moreno aos 18 minutos por dar uma cotovelada em Rafael Sóbis, apenas 43 segundos depois de entrar em campo. Foi aí que o time de Abel Braga relaxou, e começou a desperdiçar contra-ataques, como a chance clara de Fred aos 29, que o artilheiro jogou por cima.

Luxemburgo pôs Léo Gago no lugar de Elano, e foi dos pés do volante que saiu o empate gremista. Em falta despretensiosa, o jogador bateu forte e obrigou Cavalieri a fazer defesa difícil para o meio da área. No bate rebate, a zaga não conseguiu afastar a bola totalmente, e Marquinhos conseguiu escorar para Zé Roberto marcar e acabar com o êxtase do líder do campeonato.

O resultado acabou premiando a luta gremista e punindo a postura do Fluminense, que com um a mais, não soube controlar a posse de bola e ampliar a vantagem. O time de Abel ainda tentou desempatar no fim do jogo, mas as investidas de Marcos Jr. não levaram perigo à meta gremista.

Agora, o Flu soma 69 pontos, ainda com nove a mais que o segundo colocado e adversário de domingo, Atlético-MG, e onze na frente do Grêmio.

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE 2 X 2 GRÊMIO

Local: Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ)
Data-Hora: 17/10/2012 – 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Sandro Meira Ricci (Fifa-PE)
Auxiliares: Emerson Augusto de Carvalho (Fifa-SP) e Marcelo Carvalho Van Gasse (Fifa-SP)
Renda e público: R$ 783,325.00 / 30.215 pagantes / 35.217 presentes
Cartões amarelos: Jean (FLU); Anderson Pico (GRE)
Cartão vermelho: Marcelo Moreno 19′/2ºT (GRE)
Gols: Elano 9′/2ºT(0-1), Digão 13′/2ºT (1-1), Rafael Sobis 17′/2ºT (2-1) e Zé Roberto 40′/2ºT (2-2)

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Bruno, Gum, Digão e Carlinhos; Edinho e Jean; Wágner (Thiago Neves – Intervalo), Deco e Rafael Sobis (Marcos Júnior 34′/2ºT); Fred - Técnico: Abel Braga.

GRÊMIO: Marcelo Grohe, Pará, Werley, Gilberto Silva e Anderson Pico; Fernando (Marquinhos 18′/2ºT), Marco Antônio, Elano (Léo Gago 27′/2°T) e Zé Roberto; Leandro (Marcelo Moreno 18′/2ºT) e Kleber - Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

Sobre Renan Castro

Renan Castro
Jornalista, carioca, gosto de música, praia, futebol e outros clichês. Na minha vida, as únicas certezas absolutas são a morte e o amor ao Fluminense

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


4 + 8 =

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Scroll To Top