Últimas
Você está aqui: Capa | Notícias | Futebol | Samuel recorda tempo de jejum, e dá seu apoio Rhayner

Samuel recorda tempo de jejum, e dá seu apoio Rhayner

Samuel recorda tempo de jejum, e dá seu apoio Rhayner

Com um jejum de mais de dois anos sem gols, o atacante Rhayner desperdiçou o pênalti sofrido por Monzón contra o Volta Redonda. Porém, a chance perdido de gol não abalou o elenco do Fluminense. De acordo com Samuel, a ajuda dos companheiros é necessária, assim como foi feita com ele em 2012, já que demorou quatro rodadas como  profissional do Flu para marcar seu primeiro triunfo.

- O grupo se fecha em relação a isso. Foi assim comigo. O Rhayner foi, deu a cara para bater, mas aconteceu o erro. O jejum é longo, mas daqui a pouco acaba e os gols vão sair naturalmente – afirmou o atacante, que mesmo sendo o destaque da partida do último domingo depois de marcar dois gols pode ficar de fora do jogo contra o Grêmio, pela Libertadores, nesta quarta-feira, Engenhão:

- É  muito ruim ficar fora de um jogo como esse. Mas trabalhei sem desanimar, recebi uma boa chance e consegui deixar a minha marca. Não se se vou ser convocado para a relação da partida contra o Grêmio, mas estou pronto caso seja a opção do Abel – afirmou.

 Na Taça Guanabara, a próxima partida é no domingo, contra o Madureira, às 16h (de Brasília). O Tricolor precisa vencer garantir a classificação para as semifinais sem depender de qualquer resultado. Em caso de derrota ou empate do Boavista, que encara o Botafogo, o Flu pode até perder.

Sobre Amanda Freitas

Amanda Freitas
Sou filha, amiga, mulher, tricolor, jornalista e sambista. O meu mundo se resume em duas palavra: Deus e Fluminense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


8 + 5 =

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Scroll To Top