Últimas
Você está aqui: Capa | Notícias | Futebol | Rodrigo Caetano: “Essa história dos erros de arbitragem superaram o limite”

Rodrigo Caetano: “Essa história dos erros de arbitragem superaram o limite”

Rodrigo Caetano: “Essa história dos erros de arbitragem superaram o limite”

Como se não bastassem às reclamações além do aceitável por parte de jogadores do Atlético-MG e do técnico Cuca, agora parte da mídia esportiva faz de tudo para desmerecer a exclente campanha do Fluminense, e o dirigente Rodrigo Caetano deixou claro que estão passando dos limites:

- Se choro dá resultado, vamos ter de começar também a falar de erros dos adversários. Confiamos na arbitragem e eles são seres humanos. Ficar enaltecendo só os erros no Fluminense, como se fosse isso a razão do nosso sucesso, já passou do limite. Não falam dos méritos do Fluminense, do trabalho, do elenco forte que temos. Aí se dá ênfase para algo que transcende o campo e é perigoso. – Disse Rodrigo Caetano em entrevista à rádio Brasil.

Para Rodrigo Caetano as críticas atrapalham o trabalho da arbitragem, que entraria em campo pressionada nos jogos do Fluminense:

- Quero aproveitar para fazer uma crítica pela forma hostil como fomos recebidos. Passou do ponto. Não só nós, mas nossos torcedores. O Fluminense não pode ser alvo de tamanhas críticas por ser o primeiro colocado. Fora de campo, está passando do ponto. Essa história dos erros de arbitragem superaram o limite. Foi mosaico com cores do Fluminense, faixas contra a CBF. Isso gera pressão contra a arbitragem. A arbitragem entra pressionada, pois só se fala de erros nos jogos do Fluminense. – Alertou o dirigente.

Sobre Rodrigo Barros

Rodrigo Barros
Profissional de Marketing Digital, SEO e Mídias Sociais, gosta de poesia, música e filmes, é pai da Heloísa e claro, torcedor do Fluminense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*


− 2 = 4

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Scroll To Top